internet automação mesh

Conexão Cabeada ou WiFi? Qual escolher para um projeto de automação?

Em uma casa inteligente, comunicação entre os dispositivos é a palavra chave. Com comunicação a casa se torna um ambiente integrado e sob total controle para garantir o maior conforto.

Isso pode ser feito de duas formas possíveis: conectando os dispositivos através de cabos ou pela rede WiFi

Confira abaixo vantagens e desvantagens de casa sistema para realizar a melhor escolha para seu projeto!

Conexão por cabeamento

Conectar seus equipamentos através de cabos foi, por muito tempo, a escolha mais comum.

Os primeiros equipamentos que precisavam enviar e receber dados optavam por tal forma de comunicação pois era a forma mais confiável e segura de garantir que a informação chegasse ao local e não fosse corrompida ou tivesse a segurança comprometida.

Contudo, atualmente as tecnologias de transmissão e recepção de dados contam com o auxílio de redes robustas com alto grau de confiabilidade, o que torna possível o envio e recepção de dados que antes só eram possíveis com cabos através da rede sem fio.

Ademais, existe a necessidade do preparo infraestrutural para que os cabos não fiquem expostos. Por exemplo, caminhos dentro das paredes que tornem possível a passagem dos cabos necessários.

Isso, evidentemente, exige um planejamento prévio do projeto ou implica na necessidade de uma reforma invasiva. Tais fatores também implicam em um projeto menos flexível, em que mudar a localização de componentes e equipamentos se torna um processo mais lento e trabalhoso.

Conexão WiFi

Como mencionado, as tecnologias WiFi atuais têm o potencial de transmitir e receber informações que cumprem com os requisitos que antes só eram possíveis com os cabos.

A conexão por rede permite uma maior flexibilidade e agilidade na instalação do projeto, visto que só é necessária a infraestrutura para fornecimento de energia dos itens.

É importante salientar que uma dúvida comum é se os itens perdem a integração entre si caso a Internet venha a cair. Isso varia de dispositivo para dispositivo, pois algumas marcas e fabricantes possuem servidores próprios que fazem a comunicação e parte do processamento de dados, enquanto, em outros, isso não acontece, visto que a comunicação é estabelecida por meio de uma rede local, e não pela provedora de internet.

Ainda assim existe uma condição que, caso não seja cumprida, se torna uma limitação: a necessidade dos equipamentos estarem na área de cobertura da rede.

De fato, é possível que um transmissor WiFi apenas não dê conta de fornecer o sinal suficiente para toda a área. Entretanto há tecnologias capazes de solucionar essa limitação, como a rede mesh.

Rede mesh

A rede mesh é uma tecnologia que, como o próprio nome sugere, gera uma malha de rede WiFi. Isso é feito através da retransmissão do sinal por repetidores dedicados à tarefa, que podem ser instalados por toda a residência!

Atualmente, devido a todas essas vantagens, as tecnologias de automação têm migrado para a comunicação WiFi.

Veja Mais:
Como funciona A Tecnologia Powerline para distribuição de internet

Existem múltiplas alternativas no mercado para resolver o problema de alcance da rede em uma residência. Uma dessas alternativas é Read more

Como transformar sensores cabeados em sem fio

A comunicação e interação entre sensores ou entre eles e uma central é um fator essencial que determina se o Read more

Alexa ou Google Assistente: qual escolher para casa inteligente?

Os assistentes virtuais chegaram para agilizar e tornar mais prática a vida de seus usuários. Através deles é possível tanto Read more

Cidade de São Paulo
sp cidade do futuro

Automação Residencial na cidade de São Paulo A cidade de São Paulo é o melhor lugar para fazer automação residencial Read more